RÁDIO BPA

TV BPA

Biden diz que não está atacando a Rússia, mas sim ajudando a Ucrânia a se defender

Presidente americano respondeu acusações russas de que os países do Ocidente estariam atacando a Rússia ao enviar armas pesadas a Kiev. Presidente americano, Joe Biden, durante discurso na Casa Branca, nesta quinta-feira (28)
Evelyn Hockstein/REUTERS
O presidente dos EUA, Joe Biden, deu uma declaração nesta quinta-feira na qual se defendeu de acusações da Rússia em que foi dito que os países do Ocidente estariam agredindo a Rússia ao enviar armas fortes para a Ucrânia.
Biden disse que os EUA não estão atacando a Rússia, mas sim ajudando a Ucrânia a se defender.
“A Rússia é a agressora e o mundo deve e vai responsabilizar a Rússia. E enquanto os ataques e atrocidades continuarem, continuaremos a fornecer sistemas militares”, disse o presidente americano.
Após valorizar o trabalho dos jornalistas, Biden citou alguns avanços que foram obtidos e reiterou que os EUA vêm ajudando com armas militares a Ucrânia.
Joe Biden, presidente dos EUA, durante discurso na Casa Branca nesta quinta-feira (28)
Evelyn Hockstein/REUTERS
“E estamos facilitando um fluxo significativo de armas e sistemas para a Ucrânia de nossos aliados e parceiros em todo o mundo, incluindo tanques, artilharia e outras armas”, comentou Biden.
O chefe da Casa Branca disse que durante o último mês boa parte do dinheiro destinado para ajudar no combate contra a invasão russa foi utilizado. Por conta disso, Biden pediu ao congresso um orçamento complementar de US$33 bilhões.
“Esse chamado financiamento suplementar atende às necessidades dos militares ucranianos durante semanas e meses críticos à frente. Isso vai ajudar a Ucrânia a deter a defesa contra a agressão russa”, explicou o presidente americano.
Biden aproveitou para agradecer ao Congresso e aos republicanos pelo apoio ao povo da Ucrânia. Logo depois ele lembrou da atitude russa tomada nesta quarta-feira em paralisar o fornecimento de gás natural para a Polônia e a Bulgária.
“A Rússia ameaçou dois de nossos aliados com um corte no fornecimento de energia, enquanto a América acabou com todas as importações russas de combustíveis fósseis. Não permitiremos que usem seu petróleo e gás para evitar consequências por sua agressão”, disse Joe Biden.g1 > MundoRead More

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *