RÁDIO BPA

TV BPA

Talibã pune com chibatadas homens acusados de vender e consumir álcool no Afeganistão

Sete homens foram acusados, confessaram seus crimes, e foram condenados a 35 chibatadas cada um, informou o Tribunal Supremo em um comunicado. Uma bandeira do Talibã é colocada na frente de uma motocicleta em Cabul, Afeganistão, em foto de 28 de setembro de 2021
Bernat Armangue/AP
Sete homens foram açoitados no Afeganistão nesta quarta-feira (20) por crimes como venda e consumo de álcool, conforme decisão judicial, a primeira desde que os talibãs recuperaram o poder em agosto de 2021.
Os sete homens acusados confessaram seus crimes e foram condenados a 35 chibatadas cada um, informou o Tribunal Supremo em um comunicado.
“Esta é a primeira vez que um tribunal profere uma sentença desse tipo, em conformidade com a (lei da) Sharia, desde que o Emirado Islâmico se formou no Afeganistão”, disse à AFP Abdul Basir Mashal, alto funcionário da corte.
Cinco dos réus açoitados também foram condenados a seis meses de prisão cada um. As chibatadas fazem lembrar as severas punições impostas pelos talibãs durante seu primeiro exercício do poder, entre 1996 e 2001.
Durante este período, os talibãs se caracterizaram por uma interpretação extremamente restrita da lei islâmica, punindo inclusive os crimes menores com flagelações e execuções públicas.
As normas eram especialmente severas para as mulheres, então humilhadas e agredidas pela temida polícia religiosa. Veja no VÍDEO abaixo.
Afeganistão: entenda os riscos para as mulheres sob o regime talibã
Quando voltaram ao governo no ano passado, prometeram ser mais brandos, embora tenham garantido que continuariam a ser guiados pela Sharia.g1 > MundoRead More

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *